O jogador brasileiro foi eleito o 15º melhor em 2021 e quer trazer constância para o time em 2022.

A FURIA foi um dos times brasileiros que mais se destacou no cenário mundial de CS:GO em 2021. Não à toa, a equipe foi a única do país que conseguiu o status Legends no PGL Major e alcançou os playoffs do evento. E parte deste sucesso está relacionado também ao melhor jogador brasileiro de CS:GO em 2021. E não foi o Esports GG que afirmou que ele é o melhor, mas sim o renomado site HLTV.

Kaike “KSCERATO” Cerato se destacou pela FURIA no ano passado e o resultado foi uma 15ª posição no celebradíssimo Top 20 HLTV, um ranking anual que elege os melhores profissionais de CS:GO do ano. KSCERATO foi o melhor – e único – brasileiro na lista. Para falar sobre o momento e o que esperar da FURIA para 2022, o Esports GG bateu um papo com o jogador da Pantera.

Mentalidade de melhorar, mas foco no agora

KSCERATO foi eleito o 18º melhor jogador da modalidade em 2018 e subiu três posições no ano seguinte, mas, segundo ele, o foco sempre foi melhorar em um nível pessoal, sem pensar em rankings ou no futuro. Aliás, a grande mudança que ele realizou foi no início de 2021, mas o objetivo é manter a evolução sempre que necessário.

“Em 2021 eu falei ‘Mano, na moral? Eu vou mudar é tudo, esse ano vai ser um novo KSCERATO’. E aí, eu jogava com uma sensibilidade? Mudei. Fazia uma posição só no mapa? Mudei. Mudei até a posição que eu jogava na cadeira. Mas nunca foi pensando em qual lugar que eu vou ficar nesse top 20. Eu só jogo, eu gosto de fazer o que eu amo. Eu jogo isso aqui tem onze anos, então é jogo após jogo e, consequentemente, tudo vai vir com o trabalho”, comentou o craque brasileiro.

FURIA em 2022 e o sonho de ser AWPer

Apesar de ter sido a equipe brasileira de maior destaque no ano passado, a FURIA passou por mudanças no período competitivo que afetaram os resultados. No início do ano, o americano Paytyn “junior” Johnson chegou para a vaga que era de Henrique “HEN1” Teles, mas não se adaptou e logo saiu, e essa foi só a primeira mudança da equipe em 2021. Para KSCERATO, estas constantes alterações atrapalharam o ritmo que os jogadores queriam impor.

“Nós não conseguimos ter uma constância de resultados. Perdíamos campeonatos para times que não podíamos perder, porque éramos superiores. Acabou que perdemos algumas vagas e isso foi bem desanimador, mas acontece. A falta de constância, de ter um time com tempo hábil para evoluir foi o que pesou”, aponta KSCERATO.

Aliás, após a saída de junior, o time passou a não contar com um AWPer de ofício e KSCERATO era quem puxava essa responsabilidade em diversas rodadas. Quando perguntado se achou que essa situação o limitou, o jogador da FURIA riu e ainda brincou que pessoalmente não achou limitador, já que seu sonho era ser AWPer.

“Tá maluco! Eu fui abençoado por não ter ninguém de AWP (risos), um tirinho mata e tá suave. Eu estava me sentindo muito bem, porque eu sou um cara que gosta de jogar de AWP. Assim, eu morro muito para AWPers, porque eu tento dominar posições que geralmente tem um AWP ali, então eu fico muito bravo jogando contra. Então eu sei como jogar de AWP e eu sei como ser chato nessa posição.”

Eu sempre quis ser AWPer na verdade. Sempre quis, mas nunca deixaram (risos). Meu irmão, que foi com quem eu comecei jogando, nunca deixou. Porque ele falava que eu sou muito bom de assault. Então, para mim, essa ausência do AWPer afetou mais o time como um todo do que eu pessoalmente”, finalizou KSCERATO.

A chegada de saffee e a dupla Yurato

saffee

Após um 2021 conturbado no sentido de mudanças, 2022 chegou com a FURIA resolvendo a questão da AWP e trouxe Rafael “saffee” Costa, destaque da paiN, para a posição. Se os resultados da FURIA na EPL já mostraram um bom encaixe do jogador, KSCERATO se empolgava com o novo companheiro antes mesmo de ver resultados dentro dos servidores.

“Mano, o moleque é bom! Eu não sei quanto tempo vai demorar para a gente evoluir, começar a jogar em tier 1, ganhar e dar resultados, porque tudo tem o seu tempo. Mas o moleque é bom e ele ta muito alinhado com a gente no pensamento de jogo, de querer ganhar e evoluir. E no outgame também. É uma adição muito forte e mano… A gente tá vindo forte esse ano”, pontuou.

Aliás, para uma boa parte dos fãs brasileiros não há uma dupla mais forte no cenário do que Yurato. Sobre o parceiro Yuri “yuurih” Boian, KSCERATO comenta feliz sobre a sintonia que eles têm e também sobre a responsabilidade de serem considerados dois dos melhores brasileiros do CS:GO atualmente.

“A gente é muito amigo, sempre tivemos juntos, inclusive to com ele no quarto aqui agora (risos). Então a gente sempre soube se resolver dentro de jogo. Até porque a gente sabe que quando ta yurato, yuurih e KSCERATO no bomb, não pode cair, então a gente tem que resolver o negócio. Temos uma mente muito alinhada porque tivemos vivências parecidas. Então isso se transforma em muito entrosamento.”

KSCERATO ainda não se acostumou com a fama

Para os brasileiros que viraram jogadores profissional de CS:GO em um período após 2017, as inspirações são claras, tanto nacionais quanto internacionais. KSCERATO não foge disso e cita personalidades como Gabriel “FalleN” Toledo, Lincoln “fnx” Lau e Bruno “bit” Lima como inspirações nacionais. Entretanto, o jogador da FURIA ainda fica descrente que é alguém que inspira novos talentos, e demonstra humildade e respeito quando fala sobre o assunto.

“As vezes eu não acredito cara. Quando as pessoas me param na rua e ficam tipo emocionadas em me ver. Tô acostumado com elas me reconhecendo, mas não tô acostumado com a emoção. Porque eu acho que eu não to no meu auge ainda sabe? Eu acho que eu ainda não cheguei no nível de ser um exemplo. Eu tive exemplos bem fortes né, FalleN, fnx… Só esses só né? Pouca coisa (risos)”, avaliou o jogador da FURIA.

Por fim, ele finaliza mais uma vez ressaltando que sabe do nível de competitividade do cenário nacional neste ano, mas que no fim do dia, ele respeita todos os adversários, independente de quem sejam – mas é claro que brasileiro vencendo é melhor. Entretanto, ele também deixa um recado para os compatriotas. “Eu não me importo com isso de rivalidade não. Mas se for uma lanhouse eu vou dar um grito (risos)”, finaliza KSCERATO.

Foto: Reprodução/HLTV

Fique ligado no esports.gg para as últimas novidades e atualizações sobre CS: GO.

Filed Under