Team Vikings passou muito perto de conseguir sua vitória e classificar para os playoffs, mas não conseguiu fechar o último mapa.

Uma partida com um gostinho de vitória. Essa é a frase ideal para definir o jogo entre Team Vikings e Gambit Esports. A equipe brasileira conseguiu jogar em pé de igualdade, contra uma das equipes mais fortes do cenário de VALORANT. Mesmo com a derrota, a Team Vikings conseguiu provar sua força. Confira como foi essa partida, que terminou num 2-1 e com a classificação da Gambit Esports.

Primeiro mapa – Split

Split é um mapa bastante complicado para o Brasil. Isso porque muitas equipes brasileiras não conseguem dominar completamente o mapa. Enquanto isso, as demais equipes ao redor do mundo possuem uma estratégia mais sólida na Split. Por ser um mapa de escolha da Gambit Esports, quem escolheu o lado inicial, foi a Team Vikings.

Os brasileiros escolheram jogar na defesa e iniciou o jogo bem forte. Rapidamente, a Team Vikings emplacou um jogo bem forte no inicio, conseguindo fazer um 4-0. Porém, depois de uma boa leitura por parte da equipe russa, a Gambit começou a neutralizar toda a defesa da VKS. A primeira metade terminou em 7-5 com o Brasil perdendo e a Vikings foi para o ataque.

No ataque, a Team Vikings se viu numa situação complicada. A defesa da Gambit estava muito bem posta, conseguindo anular qualquer tipo de tática. Assim, a Team Vikings fez apenas um ponto e a Gambit saiu com a vitória por 13-6. O destaque desse mapa foi para o d3ffo, que fez a diferença com sua Jett.

Segundo mapa – Bind

Agora, se a Split é um bom mapa para as equipes de fora, Bind é um mapa que possui uma assinatura brasileira. Muitas equipes nacionais adoram jogar nesse mapa, tendo uma tranquilidade na hora de montar as suas estratégias. Diversas táticas podem ser usadas, como a composição usando agentes para segurar a Spike, avanços rápidos, flexibilidade de rotação e outrasa variações.

Como esse mapa foi uma escolha da Team Vikings, a Gambit escolheu o lado inicial, que foi a defesa. Dessa vez, foi o momento do Brasil se alegrar na partida. Depois de abrir 5-0 na equipe adversária, muitos acharam que a história de perder a vantagem iria se repetir. Porém, o contrário aconteceu.. O ataque rápido continuou acontecendo e a Vikings saiu na vantagem de 8-4.

Quando os lados viraram, a Gambit acabou conseguindo fazer apenas um ataque, que foi na rodada econômica por parte da VKS. Dessa forma, o mapa terminou num 13-5 e a decisão foi para a Icebox. O destaque da partida foi para o capitão da equipe brasileira, o ‘manito’, saadhak, jogou muito bem com a sua Viper.

Terceiro mapa – Icebox

O mapa decisivo e o mais amargo para a Vikings. Icebox já foi palco de muita felicidade das equipes em servidores nacionais e internacionais. Diversos times adoram jogar nele, principalmente por ter dois lados equilibrados, fazendo com que as partidas sejam muito disputadas. Além disso, ele permite o trabalho de dois duelistas e uma troca de tiro mais constante.

A Team Vikings acabou começando o mapa na defesa e foi uma primeira metade muito bem feita e animadora para os torcedores. Isso porque os brasileiros estavam conseguindo anular qualquer tipo de ataque, deixando os russos completamente apagados. A VKS fechou a primeira metade em um 9-3 limpo.

Quando os lados viraram, rapidamente a Team Vikings chegou ao seu match point, num 12-5. Ou seja, existiam 6 rodadas para que o mapa fosse encerrado. Entretanto, num despertar violento, a Gambit ligou um modo avassalador. Eles conseguiram anular qualquer estratégia de ataque brasileiro. Não importava o lado, estratégia ou vantagem, os russos estavam pegando fogo. Assim, o mapa foi para a prorrogação e, no final das contas, foi vencido pela Gambit, por 14-12. O destaque do mapa foi para sheydos, que conseguiu jogar de forma dominante com a sua Reyna.

Calma que a Vikings está viva

Mesmo com essa derrota, a Team Vikings permanece viva no Champions 2021. Isso porque eles estavam na parte superior da tabela e, agora, aguardam o resultado entre Crazy Raccoon e Team Secret para disputar a chave inferior. Além do mais, essa foi uma das partidas mais emocionantes do campeonato. A campeã do VCT Masters Berlim passou aperto para um dos times considerados como ‘underdogs’, os famosos azarões.

Os jogadores da Team Vikings se mostraram chateados com o resultado, mas a torcida só empurrou os ânimos para cima.

O VALORANT Champions 2021 continua e os playoffs estão perto de ser definidos. Duas equipes já estão classificadas: Fnatic e Gambit Esports.

Você pode conferir todos os detalhes no nosso Guia do Champions 2021.

Fique ligado no esports.gg e acompanhe todas as notícias sobre o Champions Tour e as novidades de VALORANT.

Lucas Bauth -

Lucas Bauth

Lucas Bauth, redator e analista de esports, com foco em jogos como Valorant, League of Legends e TFT. Experiência em portais como Globo Esporte e passagem em times de esports.