O capitão da Sentinels, ShahZaM, falou sobre retornar ao topo da AN, sacudindo a poeira após o início vagaroso contra a NRG, e se mantendo preparado durante a pausa de três meses.

Para a Sentinels, a vitória apertada por 2-1 em cima da RNG foi sua primeira partida no VCT desde a derrota por 2-1 para a KRÜ Esport na Champions. Três meses se passaram, dando ao líder da Sentinels, Shahzeb “ShahZaM” Khan e sua equipe muito tempo para refletir sobre o que deu errado e como melhorar.

Sentinels tirando a poeira

“Tivemos uma pausa de três meses de jogos oficiais, e aí jogamos a Champions, não importa quantas partidas, e depois tivemos outra pausa de três meses,” disse ShahZaM em sua entrevista pós-jogo. “É muito tempo sem jogar muitas partidas e acho que o jogo foi mais para a tirar a poeira. Sabíamos o que eles estavam fazendo. Sabíamos como abordar isso. Foi mais apenas decisões individuais e acho que quanto mais partidas jogarmos, melhor ficaremos”.

Logo no começo, a falta de prática era aparente para a Sentinels contra a RNG. Trazendo à tona os rumores de que eles não praticavam e que foram confirmados nas mídias sociais por Zombs. De qualquer forma, a Sentinels encontrou uma forma de vencer no mapa dois, Haven, após chegar na metade da partida buscando uma virada.

Para o líder da Sentinels, ele viu aberturas aparecendo, mas sua equipe não as aproveitando. Em Fracture, a Sentinels venceram continuamente a batalha por espaço limpando as áreas com afinco, mas deixaram de realizar abates por falta de agressividade.

“Estávamos ocupando o espaço, mas hesitando em realmente ocupar o espaço, então, quando chega a hora de atacar o lugar, ficamos apenas sentados esperando, morrendo um por um. Acho que, se tivéssemos jogado o primeiro mapa da forma como jogamos o mapa três, teria sido completamente diferente”.

Sentinels com um alvo nas costas

Eventualmente, a Sentinels começou a acertar o passo no ataque em Haven. Tyson “TenZ” Ngo começou a fazer grandes jogadas individuais com Jett, e Hunter “SicK” Mims duelou com seu adversário da NRG usando Skye. Em Bind a história foi outra, ja que a Sentinels abriu uma vantagem de 11 a 1 no intervalo e depois teve de suar no segundo tempo para obter a vitória.

“Acho que tínhamos um alvo em nós mesmos desde a série Ignition, então isso não é um problema para nós”, disse ShahZaM. “Estamos aqui para lembrar a todos que ainda somos os melhores”.

A próxima partida da Sentinels será contra a Knights em 18 de fevereiro. Teremos de ver o quão verdadeiras são as palavras de ShahZaM neste dia.


Para todas as novidades sobre a Valorant Champions Tour, fique ligado no Esports.gg.

Traduzido por: Giuseppe Carrino

Blake Van Poucke -

Blake Van Poucke

| Twitter: @TokyoDown

Blake Van Poucke is a Valorant writer at esports.gg. He found esports through the early days of MLG and the Super Smash Bros Melee scene. He's been competing and writing about esports dating back to 2008. He has written for several publications and wishes to return to in-person esports events in 2022