O elenco que já atuava no CS:GO irá também disputar no FPS da Riot Games.

Nesta quarta-feira (02), o MIBR anunciou seu time de Valorant feminino. O elenco é o mesmo que já defende o time de CS:GO da equipe, e por isso elas irão atuar nas duas modalidades ao mesmo tempo. O time conta com Bruna “bizinha” Marvila, Jessica “fly” Pellegrini, Marcella “cellax” Ferreira, Mariana “LytteZ” Sabia e Luana “arkynha” Archanjo. Guilherme “walck” Moreno é o treinador e  Leonardo “nominho” de Sousa é o analista.

O MIBR fará sua estreia oficial na primeira qualificatória para a etapa 1 no VCT Game Changers, que acontecerá a partir do dia 24 de fevereiro. No entanto, a equipe já disputou torneios menores na modalidade, como foi o caso do WarmUp organizado pela Gamers Club. Na ocasião, as jogadoras jogaram sob a tag de Alces do Brazil.

Sentamos com elas, ouvimos o pedido e decidimos apostar junto. Ambos os lados entendem o desafio, mas como uma organização que dá oportunidades e voz para as mulheres, vamos apoiar a iniciativa com a certeza de que elas farão de tudo para entregar performance, raça e paixão no cenário de Valorant, como já fazem no Counter-Strike.

Roberta Coelho, CEO do MIBR.

O MIBR é um dos times destaque do cenário feminino de CS:GO. No último ano, este elenco conquistou o título na primeira etapa da Grrrls League e fez boas performances em outros campeonatos como as últimas edições da Gamers Club Masters.

O MIBR também tem um time masculino de Valorant que, inclusive, chegou a ser convidado pela Riot para disputar o qualificatório fechado para o VCT BR. Contudo, a equipe bateu na trave em duas ocasiões e ficou de fora do torneio.

Fique ligado no esports.gg e acompanhe todas as notícias sobre VALORANT.

João Vitor Costa -

João Vitor Costa

| Twitter: @Nenaojao

Estudante de jornalismo. Começou recentemente na cobertura de esports e é especializado em League of Legends. Também se aventura no Wild Rift, Valorant e Legends of Runeterra.