A SLICK foi uma das organizações que surgiu, especialmente, para o VALORANT. A organização foi fundada em janeiro de 2021, pelo streamer e jogador, Hernan “Hastad”.

A SLICK foi uma das organizações que surgiu, especialmente, para o VALORANT. A organização foi fundada em janeiro de 2021, pelo streamer e jogador, Hernan “Hastad”. Por mais que não tivesse conquistado grandes resultados, o time era bem conhecido no cenário competitivo. Grandes nomes, como o Erick “aspas”, Victor BLD”, Vinicius “Veroneze” e entre outros, atuaram como jogadores. O anúncio foi feito na tarde de sexta, dia 27 de agosto, deixando muitas pessoas bem surpresas.

Durante o VCT Challengers Brasil, a SLICK foi desclassificada durante a terceira e última etapa. Suas partidas foram contra duas equipes, a Jaguares Esports e a Extenzy Gaming. A primeira foi contra a Jaguares, onde perdeu de 13-7, indo para a chave inferior. Na parte de baixo do chaveamento, a equipe enfrentou a Extenzy, ganhando de 2-0. Portanto, perdeu para a Jaguares, novamente, dessa vez por 2-1.

A história da SLICK no competitivo

Por mais que a equipe tenha ficado pouco tempo no cenário competitivo de VALORANT, sua história foi marcada. A sua primeira aparição foi contra o time da VORAX, durante a primeira fase do VCT Challengers Brasil. Naquela mesma competição, o time conseguiu ir crescendo na competição, até o Masters.

O primeiro Masters, por conta da pandemia, foi realizado apenas com times brasileiros. A SLICK enfrentou, em seu primeiro jogo, a Gamelanders, que conseguiu a vitória por 2-0. Mesmo com eliminação bem cedo, a equipe se mostrava bem forte e mostrava uma evolução forte.

Durante a segunda fase, o time fez um grande anúncio, a contratação do jogador revelação, aspas. Erick “aspas” era um jogador de ranqueadas, sempre estando na primeiras colocações, usando a agente Reyna. A sua ida pro time substituiu o fundador, Hastad, que começou a dedicar inteiramente a área administrativa da SLICK.

No mesmo período, a equipe foi para as finais do VCT Challengers Brasil, mas teve outro resultado negativo. Dessa vez, a competição tinha duplo chaveamento, então a SLICK acabou perdendo as duas primeiras partidas. A primeira foi contra a Sharks Esports, por 2-1. Logo em seguida, a equipe enfrentou a Havan Liberty, perdendo por 2-0.

Com isso, chegamos a competição mais atual, a terceira etapa do VCT Challengers Brasil. Portanto, dessa vez, a equipe não conseguiu ir para as finais, como dissemos anteriormente. Devido aos resultados baixos, a equipe conseguiu acumular apenas 40 pontos, um valor bem baixo para o Campeonato Mundial de VALORANT.

Polêmicas com a equipe

O time se envolveu em algumas polêmicas, principalmente envolvendo o fundador, Hastad. Durante uma transmissão, de uma live do Hastad, o jogador proferiu palavras com teor racista. No mesmo instante, a comunidade inteira cobrou um posicionamento mais sério, o que acabou acontecendo. Hastad foi afastado da função de CEO da organização e postou um pedido de desculpas.

Por fim, o último caso aconteceu durante a eliminação contra o time da Jaguares Esports. Assim que a equipe foi eliminada, o streamer e ex jogador da equipe, Victor “BLD” notou que os jogadores não estavam mais com a tag ‘SLK’. Com isso, rumores de que a equipe estava sendo desfeita começou a surgir. Até então, era tudo especulações, mas tudo foi confirmado com o anúncio.

Jogadores

slick time atual

A SLICK teve alguns jogadores na equipe, que ajudaram toda a história da equipe, veja alguns nomes:

  • André “DiMAS” Dimas – jogador desde a fundação
  • Rafael “DONSA” Mendes – jogador desde a fundação
  • Erick “aspas” Santos – entrou em março
  • Vinicius “Veroneze” Ribeiro – entrou em maio
  • Henrique “Maverick” Tozatto – entrou em junho
  • Victor “BLD” Junqueira – foi jogador da fundação até junho (no inicio de agosto, BLD anunciou que estava livre e buscava novas oportunidades)
  • Lucas “ntk” Martins – jogou da fundação até maio, hoje atua pela Vivo Keyd, que foi a campeã do VCT Challengers Series 3
  • Nicolas “nckzera” Dorneles – treinador da equipe
  • Hernan “Hastad” Klingler – CEO

Não se sabe do futuro dos jogadores, todos eles se pronunciaram no Twitter, afirmando estar ‘Free Agents’. Acredita-se que eles não irão atuar mais juntos, seguindo caminhos separados. Assim que tivermos mais noticias, voltaremos a informa-los.

Fique ligado no esports.gg para mais notícias e novidades de VALORANT.

Filed Under
Bruno Martins -

Bruno Martins

| Twitter: @yo_brunoM

Jornalista. Na cobertura de esports desde 2018 e especializado em jogos de FPS como CS:GO e Rainbow Six.