Os Guerreiros saíram derrotados por 2×0 em série melhor de três no mundial de Wild Rift.

Nesta terça-feira (14), a Vivo Keyd saiu derrotada pelo J Team na estreia do Icons Global Championship , o mundial de Wild Rift, em confronto válido pela fase de entrada. Os Guerreiros perderam pelo placar de 2×0 em série MD3 (melhor de três) e agora terão que enfrentar a Nix.GG para continuar na competição. O próximo compromisso acontece na próxima sexta-feira (17), às 10h.

A primeira partida da Vivo Keyd no Icons foi bastante dura. Mesmo com os Guerreiros buscando ser proativos no jogo, eles não conseguiram encaixar lutas tão bem quanto o J Team. No fim das contas, os taiwaneses finalizaram o confronto com vitória após marcar um sonoro ace.

No segundo embate, os brasileiros saíram na dianteira no quesito de abates. Contudo, o J Team não demorou para se nivelar na partida depois de garantir objetivos importantes e somar eliminações em lutas bem executadas. Em determinado momento, os taiwaneses dominavam todas as ações do mapa, e no final, não deram chance para a Vivo Keyd, vencendo a série por 2×0.

Amanhã (15), a Liberty, mais uma das representantes brasileiras no Icons, fará sua estreia contra a Sentinels, às 11h30, também confronto válido pela fase de entrada. Já a Omegha, time campeão do campeonato brasileiro, já está garantida na fase de grupos.

O Icons será realizado entre os dias 14 de junho e 9 de julho, em Singapura. Tanto na fase de entrada, quanto na fase de grupos, o torneio segue o formato de dupla eliminação, ou seja, os times precisam perder duas vezes para serem eliminados. Todas as disputas nestas duas fases acontecem em MD3. Já na fase eliminatória, o formato será de eliminação simples, no qual uma derrota em série significa a eliminação. A premiação total é de US$ 2 milhões e, ao todo, 24 times estão na disputa para conseguir uma fatia do montante.  

Fique ligado no Esports GG para notícias e atualizações de Wild Rift.

João Vitor Costa -

João Vitor Costa

| Twitter: @Nenaojao

Estudante de jornalismo. Começou recentemente na cobertura de esports e é especializado em League of Legends. Também se aventura no Wild Rift, Valorant e Legends of Runeterra.