A organização retorna ao cenário de League of Legends após a saída do CBLOL, mas agora no mobile.

Na última quinta-feira (12), o Cruzeiro Esports fez o anúncio de sua entrada no competitivo de League of Legends: Wild Rift, o MOBA mobile da Riot Games. A organização havia participado da primeira etapa do CBLOL este ano, mas não permaneceu na liga por conta do rompimento do acordo com a empresa E-Flix, que detém a posse da vaga de franquia. 

O Cruzeiro contará com Dex no topo, Guxta na selva, Wulfix no meio, Yamoshida como suporte e kaiao com atirador. Na comissão técnica, terão Blan como coach, Johnny Monteiro  como head coach e RzK como manager.

O Wild Rift chegou recentemente no Brasil, mas já tem grandes organizações entrando no cenário para disputar os campeonatos do MOBA. A Riot Games já realizou seu primeiro campeonato oficial da modalidade com quatro equipes convidadas: Só Agradece, Flamengo, GOAT e TSM.

O próximo passo é o Wild Tour, circuito que terá quatro qualificatórias abertas onde os oito melhores times disputarão as finais presencialmente nos estúdios da Riot em São Paulo, o grande vencedor irá disputar o primeiro campeonato mundial de Wild Rift.

cruzeiro

Fique ligado no esports.gg para mais todas as notícias e novidades de Wild Rift.

*Matéria realizada em colaboração com João Vitor Costa

Bruno Martins -

Bruno Martins

| Twitter: @yo_brunoM

Jornalista. Na cobertura de esports desde 2018 e especializado em jogos de FPS como CS:GO e Rainbow Six.