A desenvolvedora confirmou ao Globo Esporte que ofereceu a mesma oportunidade aos demais times do CBLOL e nenhum deles aceitou usar a estrutura até agora.

Na última segunda-feira (02), a Rensga anunciou em suas redes que iria disputar os playoffs do CBLOL em São Paulo. Em resposta ao portal Globo Esporte, a Riot Games e a Rensga confirmaram que a equipe usará a estrutura dos estúdios da desenvolvedora. A equipe que tem sua sede em Goiânia já havia passado por alguns episódios de instabilidade de conexão durante os jogos do campeonato. 

A questão começou a ser alvo de discussão quando o caçador da equipe, Croc, se queixou por supostamente ter jogado com ping alto em seu perfil no Twitter no dia 20 de junho, após derrota contra FURIA. 

Ao ge, a Rensga afirmou que a medida foi tomada não somente para evitar possíveis instabilidades de conexão, mas também para tranquilizar os jogadores de que esse tipo de situação não se repetirá. A organização ainda vê a mudança temporária como oportunidade para habituar os jogadores ao ambiente e à logística que fará parte da rotina dos atletas após o retorno dos jogos presenciais.

A Rensga já reiterou em diversas ocasiões que planeja manter sua sede em Goiânia e que os jogadores iriam viajar para São Paulo nos fins de semana de disputa do CBLOL. O CEO da organização, Djary Veiga, afirmou, em entrevista à ESPN, o seguinte, ainda em 2019:  “A gente tem a ideia de descentralizar os esportes eletrônicos. De tentar sair um pouco do eixo São Paulo-Rio de Janeiro e levar esse tipo de entretenimento para outras partes do Brasil. Aqui, no Centro-Oeste, temos um público muito grande e carente de esport”


A Rensga enfrentará a LOUD no próximo final de semana, no dia 7 de agosto. O vencedor do confronto jogará contra a paiN Gaming nas semifinais. Você pode acompanhar as transmissões pelos canais oficiais do CBLOL no YouTube, Twitch e Nimo TV.

rensga
Equipe de League of Legends da Rensga. Foto: Rogério Porto

Fique ligado no esports.gg para todas as notícias de League of Legends.

*Matéria realizada em colaboração com João Vitor Costa

Bruno Martins -

Bruno Martins

| Twitter: @yo_brunoM

Jornalista. Na cobertura de esports desde 2018 e especializado em jogos de FPS como CS:GO e Rainbow Six.