Atirador da Netshoes Miners falou sobre a situação atual da equipe, comentou sobre a sua trajetória como jogador e explicou a origem do seu nick.

Nesta reta final da fase regular no CBLOL, a Netshoes Miners luta para arrancar uma vaga nos playsoffs. Atualmente, o time ocupa a oitava colocação na tabela com quatro vitórias e dez derrotas. No último final de semana, eles deram um vislumbre do bom desempenho que apresentaram na semana 5 quando saíram 2-0 em duas rodadas seguidas. Eles venceram a Red Canids no sábado, time que vinha numa crescente constante.

Durante as coletivas, Matheus “Drop” Herdy falou sobre a situação atual da Netshoes Miners, comentou sobre a sua trajetória como jogador e explicou a origem do seu nick.

Você pode comentar um pouco sobre os bons resultados da Miners nessa reta final? 

Drop: Para ser bem honesto, eu acho que essa nossa ascensão de agora vem desde o split anterior. Eu entrei no finalzinho, então esse time de agora começou a treinar naquele momento, e dali a gente já começou a pensar no segundo split. A gente tava treinando durante as férias, a gente também começou a treinar antes dos outros times para o segundo split. Nós começamos o campeonato mal, porém faltou esse cliquezinho, faltou uma coisinha ou outra encaixar ali. 

E são essas coisas que a gente tem buscado agora, e o time está indo muito bem. Por mais que a gente tenha perdido muitas partidas seguidas nesse começo e meio de campeonato, a gente tá com a cabeça no playoff, porque todo mundo quer muito jogar um playoff, eu principalmente, eu quero muito estar lá. Essas três vitórias aí, esses próximos cinco jogos que teremos vão ser muito importantes para nós, é para todo mundo dar a vida.

netshoes miners
Drop, atirador da Netshoes Miners. Foto: BBL

Desde 2020, você tem cumprido um papel dentro dos times de chegar para dar um novo fôlego para a equipe, vide suas passagens por Vivo Keyd e Cruzeiro. Esse é seu primeiro split como titular desde o começo. Você pode falar um pouco sobre sua trajetória?

Drop: No primeiro split de 2020, que foi quando eu entrei na Keyd, eu já queria muito jogar. Eu tava sempre jogando muita solo queue, sempre acompanhando todos os treinos, por mais que eu fosse reserva. Eu sempre me dediquei muito, então quando eu entrei ali no segundo split, foi basicamente a prova do trabalho duro que eu venho tendo minha carreira inteira começando a dar frutos. 

No split passado, quando eu entrei nessa fogueira que foi o split foi basicamente a mesma coisa, porque no começo do ano eu não tinha um time, aí eu fui para o Academy, subi para o CBLOL e tudo isso numa situação que não estava tão boa assim. E como eu disse, eu só quero jogar e quero jogar bem, eu quero fazer com que o time em que eu esteja seja o melhor time possível dentro do que é o possível. 

netshoes miners

Então, a gente pode estar 0-17 no campeonato que eu vou fazer meu time dar o máximo deles naquela última partida. É isso que eu busco pra minha carreira, eu vou estar sempre dando meu melhor esperando que meu melhor seja suficiente para a vitória, eu vou sempre dar o meu máximo para ser o melhor possível. 

Esse segundo split tem sido uma realização, justamente pelo fato de eu começar jogando. E como eu disse, por mais que as vitórias não tenham vindo no começo, eu tô feliz de estar jogando e estar conseguindo meu espaço no campeonato. E eu pretendo buscar mais e mais o playoff, e quem sabe sonhar com uma semifinal ou final, mas é o plano pelo menos.

Você pode explicar a história por trás do nick Drop?

Drop: Quando eu era mais novo eu sempre estava indo para a Lan House, desde os meus quatro ou cinco anos de idade eu jogava Dota e CS na Lan House, principalmente Dota, eu jogava antes de vir para o LoL. Nisso eu não tinha um nome, então meu irmão virou e falou “pô, coloca Drop aí’, e é isso, eu coloquei Drop, foi recomendação do meu irmão e eu gostei do nick, achei simples. É um nick simples e fácil de lembrar.

O CBLOL retorna nos dias 24 e 25 de julho. Você pode acompanhar as transmissões pelos canais oficiais do CBLOL no YouTubeTwitch e Nimo TV.

Fique ligado no esports.gg para mais notícias e novidades de League of Legends.

*Matéria realizada em colaboração com João Vitor Costa

Bruno Martins -

Bruno Martins

| Twitter: @yo_brunoM

Jornalista. Na cobertura de esports desde 2018 e especializado em jogos de FPS como CS:GO e Rainbow Six.