O jogador Yan7,da Meta Gaming, conversou com os casters da LBFF após o grande desempenho de sua equipe na segunda rodada da competição.

O último final de semana ficou marcado pelo início da LBFF 6, maior campeonato de Free Fire do Brasil. A grande campeã da edição anterior foi a Vivo Keyd, equipe que fez campanha excepcional tanto na fase regular quanto na grande final. Agora, uma nova etapa começa com times veteranos e novatos em busca do título. Uma das equipes que começou muito bem foi a Meta Gaming: o time somou 42 abates, dois Booyahs e 94 pontos no segundo dia do torneio – o melhor desempenho da equipe paraguaia em uma rodada de LBFF. A Meta Gaming deve agradecer principalmente à Yan7: o jogador liderou o ranking de eliminações com 14 abates na rodada. Ao ser perguntado se a equipe tinha se preparado de forma diferente para a disputa desta etapa, ele responde: 

“Não, acho que nessa LBFF 6 a gente já veio com o time preparado. O time estava bem encaixado desde a última LBFF, a gente sabia que tinha que fazer o arroz com feijão. A gente fez isso e deu tudo certo.”

Yan7 também passou por um processo de adaptação dentro do time e, por conta disso, assumiu a função de granadeiro. 

“Eu me adaptei bem rápido, foi a melhor função que eu havia desempenhado. Eu vim para jogar de suporte e rush, na verdade. Só que o time estava precisando dessa função, aí no meio da LBFF passada eu virei granadeiro. Eu acho que meu desempenho tá sendo muito bom, pela última LBFF e por essa que tá começando bem.”

Alguns times já conseguiram se destacar na primeira semana da sexta edição da LBFF, como as equipes Bonde, Team Coda Solid e a própria Meta Gaming. Na avaliação de Yan7, vale a pena ficar de olho nas equipes estreantes.

Pela primeira rodada não dá pra ver muito, mas as equipes novas vão vir fortes, com certeza. Na próxima semana eu creio que vai dar pra ver melhor o que essas novas equipes vão fazer nesta nova LBFF.”

A Meta Gaming é uma equipe que vem sendo consistente desde que ingressou na elite do Free Fire. No entanto, durante o seu período na série A, o time ainda não havia tido um começo de campeonato tão incisivo quanto este. Yan7 fala que a confiança do time foi o fator-chave.

“Confiança, né. O time veio bastante confiante, a gente arrumou todas as funções do time. Confiança eu acho que vem em primeiro lugar. Ainda mais com as dificuldades da troca de call, com quatro kills de começo ali já dá uma confiança a mais para o time. É uma responsabilidade bem braba de trocar no começo, sabendo que pode dar errado, mas a gente veio bastante preparado pra isso.”

Você pode acompanhar a LBFF 6 nos canais oficiais da Garena no Youtube e na Booyah! Fique ligado no esports.gg para todas as notícias e atualizações de Free Fire.

João Vitor Costa -

João Vitor Costa

Estudante de jornalismo. Começou recentemente na cobertura de esports e é especializado em League of Legends. Também se aventura no Wild Rift, Valorant e Legends of Runeterra.