Os bicampeões da OG foram eliminados do TI10 pelo estreante Team Spirit.

Foi uma batalha de Davi contra Golias. OG, bicampeão do TI, e possivelmente um azarão neste torneio, estava enfrentando o estreante Team Spirit. A nova equipe teve um desempenho fabuloso acreditando na sua habilidade individual e vencendo um dos jogos mais importantes de sua carreira. Enquanto isso, a OG foi eliminada do TI10 e com ele, seus sonhos de um tricampeonato.

O caminho do Team Spirit para a vitória

O primeiro jogo começou com o Team Spirit sendo o mais ativo possível no mapa. Mas enquanto o Team Spirit conseguia os abates, a OG sempre tinha a liderança nos recursos acumulados. Tiny do SumaiL estava farmando descontroladamente. Ele também foi ajudado por seus companheiros de equipe que juntaram itens para ele.

Era uma vantagem quase intransponível para a OG. Em um dado momento do jogo, SumaiL, em 1v5, matou dois membros do Team Spirit e parecia ameaçador para os três restantes. O Team Spirit teve que dar meia-volta e fugir do membro solitário da OG.

Mas a coordenação excelente permitiu que o Team Spirit fosse capaz de acabar com SumaiL. Foi uma jogada arriscada, especialmente porque Faceless Void ainda estava morto, mas deu certo no final. Uma jogada que mudou a partida, exigindo que vários companheiros de equipe tivessem precisão cirúrgica e que mudou o rumo da partida fortemente à favor do Team Spirit.

Team Spirit conseguiu uma reviravolta incrível para vencer o Jogo 1. Foto: Dotabuff.com.

Ao longo do resto do jogo, os fãs de Dota 2 viram muitos mais jogadas similares. O Team Spirit administrou bem a situação até que a OG aceitasse a derrota no Jogo 1.

“Jogo Fácil”: Team Spirit elimina OG do TI10

O esboço para o segundo jogo parecia bastante semelhante ao primeiro. Collapse conseguiu seu Magnus, SumaiL teve seu Tiny. Desta vez também foi um banho de sangue. SumaiL continuou a farmar muito e era o que mais obtinha recursos por muito tempo. No entanto, assim que a etapa inicial terminou, o Team Spirit ficou ativo no mapa inteiro. Buscando constantemente por abates, punindo e atacando seus oponentes, o Team Spirit parecia estar no controle do jogo.

A chegada de Lifestealer, no entanto, foi demais para a OG dar conta. Equipado com um Bastão Preto da Realeza, era difícil contra-atacar o Lifestealer, especialmente quando ele tem heróis como Winter Wyvern e Magnus dando cobertura. Foi um jogo fácil para o Team Spirit, ou pelo menos é o que TorontoTokyo pensava.

O segundo jogo foi muito melhor para o Team Spirit. Eles tiveram execuções perfeitas e nunca desistiram de pressionar. A OG não conseguiu encontrar um caminho de volta ao jogo e, finalmente, o Team Spirit encerrou a série.

Ceb mostra elegância na derrota

“Perder faz parte da competição. Estivemos do lado vencedor e comemoramos isso e somos muito gratos por isso. Perder é difícil, a gente se sente muito mal.”

O Team Spirit vai enfrentar o Virtus.Pro em sua próxima partida, um clássico que promete trazer jogadas emocionantes.

Fique ligado no esports.gg para as últimas notícias e atualizações de Dota 2. 

Traduzido por: Giuseppe Carrino

Rohan Samal - Eurasia Editor

Rohan Samal

Eurasia Editor | Twitter: @rohan_esports | Twitch: rohan_3105

Eurasia Editor for esports.gg. Found esports through gaming nearly 6 years ago and has been involved ever since. Primarily a Dota 2 player, but has the occasional experience in FPS games. Even tried (unsuccessfully) to go pro in Overwatch.